Clemilda morre

A cantora de forró Clemilda Ferreira da Silva, 78 anos, morreu na madrugada de hoje no hospital Primavera, em Aracaju, onde estava internada. A cantora que nascu no Estado de Alagoas e se mudou para Sergipe ainda na adolescência, já havia sido internada outras vezes esse ano já que sofria de hipertensão e mal de Parkinson. Em julho a cantora teve complicações no quadro de saúde, mas recuperou-se e deixou a unidade hospitalar dias depois.

Em setembro e outubro as complicações voltaram e a forrozeira necessitou voltar ao hospital a fim de continuar lutando pela vida. Clemilda morreu as 4h15 e logo mais a partir das 9h seu corpo será velado no Osaf,. O velatório fica instalado na Rua Itaporanga; o sepultamento o sepultamento está marcado para acontecer às 16 horas no cemitério municipal São João Batista.

A trajetória da cantora – Em 50 anos de carreira, a cantora de forró Clemilda Ferreira lançou 40 LPs e seis CDs, todos de forró. Ela também recebeu dois discos de ouro e dois de platina. Entre os maiores sucessos que retratam a cultura nordestina estão ?Prenda o Tadeu? e ?Forró Cheiroso´. Clemilda teve presença marcante em programas de TV em cadeia nacional, divulgando não só o forró, mas também levado o nome de Sergipe para os quatro cantos do país.

Por Milton Júnior (Aracajufest)


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Responsive image
Responsive image