A versatilidade da laranja

Além de compor uma infinidade de pratos, a fruta também oferece diversos benefícios à saúde

foto principal

A laranja possui também baixo valor calórico – 100gr da fruta fornece aproximadamente 50 calorias

Suculenta, vitaminada, ácida, doce… são algumas das características da laranja. A todas elas juntamos mais uma, a versatilidade na culinária. Elas são comumente consumidas in natura, em sucos ou preparações, como bolos, caldas, geleias, chás, compotas, licores, sorvetes e uma infinidade de outras sobremesas, como o glamouroso francês Crepe Suzette. Ainda à mesa, como molho, a laranja acompanha muito bem pratos salgados. Combina bem com frango, pato, lombo de porco e peixes embrulhados em papel de alumínio. Nas saladas realça o sabor, especialmente as que incorporam bacalhau e frango.

A versatilidade da fruta repete-se nos benefícios à saúde. Além da vitamina C, a laranja oferece ácido fólico, cálcio, potássio, magnésio, fósforo e ferro. Contém ainda fibras, pectina e flavonoides, que aumentam seu valor nutritivo. Mas o maior benefício da laranja são suas propriedades antioxidantes. Existem cerca de 170 tipos diferentes de fotoquímicos, incluindo mais de 60 flavonoides que apresentam propriedades anti-inflamatórias, antitumor e inibem a formação de coágulos no sangue.

Mas atenção, a vitamina C da laranja se oxida e se perde com facilidade. Para que isso não aconteça, só descasque-a na hora em que for consumi-la. Não guarde o seu suco, mesmo que seja na geladeira. Para cortá-la, use somente faca de aço inoxidável, pois outros metais oxidam a vitamina.

No Brasil, as variedades mais cultivadas e conhecidas são a laranja da baía, laranja-pêra, laranja-barão, laranja-da-terra, laranja-lima, laranja-seleta. As primeiras são fáceis de descascar e bastante suculentas. Elas conservam-se em geladeira de uma a duas semanas.

Para saborear sem culpa, indicamos um Cheesecake, receita de origem japonesa. Dá para servir como sobremesa após as refeições ou no lanche da tarde. Além de econômica e simples de fazer, o sabor surpreende. Bom apetite!

Receita da Semana

Cheesecake Japonês

foto receita

INGREDIENTES:

– 250 g de queijo cremoso (cream cheese)

– 50 g de manteiga *100 ml de leite

– ½ xícara de açúcar * ½ xícara de farinha de trigo

– 1 e ½ colher (sopa) de amido de milho

– 6 ovos *¼ de colher (chá) de cremor de tártaro

– 1 colher (sopa) de suco de laranja

MODO DE PREPARO:

1. Preaqueça o forno a 160°C. Unte uma forma com fundo removível de 20 cm de diâmetro e forre o mesmo com papel manteiga. Por fora, forre a forma com papel alumínio.

2. Misture o queijo cremoso, a manteiga e o leite em banho-maria. Depois que formar uma mistura homogênea, reserve até esfriar.

3. Depois de frio, adicione a farinha, as gemas, o amido de milho e o suco de laranja. Misture e reserve.

4. Bata as claras de ovo na batedeira. Depois que começar a formar uma espuma, acrescente o cremor de tártaro e continue batendo. Adicione o açúcar lentamente e continue batendo até formar picos moles. Misture ? das claras batidas na mistura do queijo cremoso, mexendo delicadamente. Continue acrescentando as claras e misturando.

5. Coloque a massa na forma e leve ao forno em banho-maria por 1h ou até dourar. Desligue o forno e deixe o cheesecake esfriar no forno por 30 minutos. Retire e espere esfriar por completo antes de levar para a geladeira, onde deverá ficar coberto por pelo menos 1h antes de servir.

Até mais,

Osanilde Oliveira.


Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado


Responsive image
Responsive image