A tarde desta quarta-feira, 17, foi de reapresentação do elenco proletário no Sabino Ribeiro após a estreia na Copa do Nordeste, empate em 1 a 1 com o Santa Cruz-PE. Os jogadores que foram titulares fizeram um treino regenerativo na academia, enquanto os suplentes da partida e os não relacionados realizaram um jogo-treino contra a equipe Sub-19.

O atacante Frontini, autor do gol proletário, fez sua estreia na temporada e deixou sua marca. Para ele o time teve um bom começo de Copa do Nordeste pelo desempenho no jogo.

“Fico feliz pelo gol que eu marquei, mas um pouco chateado pelo resultado porque em casa a gente precisa vencer, mas entendemos que do outro lado tinha uma equipe tradicional e que complicou muito o jogo para saírem com um ponto”, avaliou o atacante.  

Para o goleiro Genivaldo ainda é difícil engolir o lance polêmico do gol do Santa Cruz onde a bola não ultrapassou completamente a linha do gol e a arbitragem validou o lance.

“Estamos convictos de que não foi gol. A competição é difícil e a arbitragem tem que estar mais preparada porque um lance desse pode custar caro para uma equipe. É um trabalho que a gente faz, uma pré-temporada e todos querem sair com um resultado positivo. Tivemos um poder de reação muito grande, conseguimos o empate e isso só nos diz que estamos no caminho certo. Nossa zaga se mostrou muito compacta e espero que nos próximos jogos a gente consiga mais entrosamento e melhore cada vez mais”, afirmou o arqueiro azulino.  

O próximo desafio do Confiança será pelo Campeonato Sergipano. O time proletário enfrenta o Boca Júnior neste domingo no Estádio Francão, em Estância, às 15h35, pela segunda rodada do estadual. Para o jogo, o Dragão terá o retorno do meia-atacante Rai, que cumpriu suspensão no Nordestão.

Na Copa do Nordeste, o próximo jogo será contra o CRB-AL no dia 1º de fevereiro, no Estádio Rei Pelé, em Maceió.  

Jogo-treino

No jogo-treino, o técnico Ailton Silva escalou a equipe com Rafael Roballo no gol, o lateral- direito Arlan, Renato Camilo e Jhony na zaga, o lateral- esquerdo Madona, os volantes Flávio e Diogo, os meias Gilsinho e Rai e o ataque com Iago (Tiquinho) e Léo Ceará. No segundo tempo, o técnico Ailton Silva fez várias mudanças utilizando atletas como os atacantes Tiquinho e Jefinho, o volante Lucas Vinicius e o meia Pedro Pires.

Os profissionais venceram por 5 a 0 com gols de Léo Ceará, Flávio, Gilsinho e Italo (2). 

Fonte: Assessoria de Imprensa


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Responsive image
Responsive image