humberto e juliano

Satisfeita por estrear no Nordeste brasileiro, em especial na capital sergipana, a dupla Henrique e Juliano inicia sua participação na terceira edição do Sergipe Spirit e diz estar encantada com a receptividade do povo aracajuano. Irmãos, e nascido na pequena cidade de Palmeirópolis no Estado do Tocantins, os jovens cantores começaram a se apresentar nas rádios do município chegando até a se apresentar para um grande público interpretando e dublando os sucessos da banda “Mamonas Assassinas”, sucesso em todo Brasil na década de 90.

Para Juliano, Aracaju passa a se tornar em uma cidade mais que especial por abrir as portas da região Nordeste para o grupo que lançou este ano o seu segundo DVD. No repertório, músicas inéditas e outras já conhecidas pelo público como: ?Recaídas e Eu sou Gordinho?. ?Para nós é um motivo de festa e agradecimento a todos os organizadores do Sergipe Spirit e a vocês fãs que nos acompanham nessa primeira participação nesta região quente e aconchegante ao mesmo tempo. Essa noite é muito especial para toda essa banda e podem ter certeza que vamos transformar esse espaço em uma grande balada sertaneja?, declarou.

Apesar do avassalador sucesso propagado a cada dia nos quatro cantos do Brasil, somente em 2012 estão vendo que o sonho de ser reconhecido no cenário nacional estava cada vez mais próximo, firmaram contrato artísticos com a empresa de agenciamento Work Show que tem no seu casting Marcos & Fernando, Marília Mendonça e Zé Neto & Cristiano. Nessa nova parceria surgiu o segundo CD produzido pelo maestro Pinochio, álbum que se tornou um marco na carreira da dupla. Um repertório autêntico sendo que a maior parte de suas faixas são composições próprias. Um dos grandes sucessos foi a música “VEM NOVINHA”.

?Festa animada e que reúne milhares de amigos que vem abraçando o nosso trabalho. O repertório de hoje foi feito com musicas nossas que estão na boca de vocês. Tenho certeza que vamos balançar essa estrutura e fazer todo mundo dançar até de manhã. Vamos agitar Sergipe Spirit?, disse Henrique. Nesse momento mais de sete mil pessoas já estão na Arena de Eventos. Aracajufest, 15 anos – tudo que rolou, tudo que vai rolar.

por Milton Júnior (Aracajufest)


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Responsive image
Responsive image