andressaurach_sexy_set_div_01.jpg

Sem saber o que realmente está acontecendo com Andressa Urach, a amiga Rebeka Francys – que ficou em quarto lugar no concurso de Miss Bumbum 2014 – está preocupada com a colega de apartamento que continua internada após intervenção cirúrgica. “Não posso passar nenhuma informação sobre o que está rolando, porque não sei ao certo. Só digo que estou muito preocupada. Falei com a Andressa ontem por volta das 21h e depois não tive mais noticias. Sigo tentando. Eu soube que agora a tarde a mãe dela vai visitá-la no hospital e vai passar para mim e para os amigos a real situação. Estão falando muita coisa, que ela está fazendo uma cirurgia plástica, mas não é nada disso. Infelizmente, ainda é aquele problema do gel que ela aplicou na perna. Deu inflamação”, disse ela ao EGO nesta segunda-feira, 1.

A mãe de Andressa, que segundo o assessor Cacau Oliver estaria visitando a filha na UTI esta tarde, não quis atender as ligações do EGO e disse que não autorizava o hospital a liberar informações sobre estado de saúde da modelo.

O estado de saúde da modelo Andressa Urach é grave. A informação foi passada ao EGO nesta segunda-feira, 1, por Alexandre Costa, assessor de imprensa do Hospital Nossa Senhora da Conceição em Porto Alegre. Segundo ele a equipe médica não vai dar mais detalhes sobre a internação da ex-vice Miss Bumbum.

Andressa Urach está internada na UTI do hospital. Segundo seu assessor, Cacau Oliver, após ter um problema com o dreno que estava usando, a modelo acabou desenvolvendo uma infecção e passou por uma nova cirurgia na noite deste domingo, 30. A previsão inicial é que ela fique internada por 15 dias no local.

“A Andressa passou muito mal ontem após a primeira cirurgia. Ela teve que voltar ao hospital e eles disseram que o dreno fechou e o hidrogel causou um infecção. Andressa passou por uma nova cirurgia à noite e está na UTI”, informou a assessoria de Urach.
A operação que gerou complicações aconteceu na última sexta, 28. Andressa foi operada para retirar os resquícios de hidrogel que ainda tinha nas pernas, depois de decidir se livrar do produto, que já tinha há cinco anos nas coxas, em julho. No dia seguinte, ela foi liberada pelos médicos para voltar para casa.

Fonte: Ego.


Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado


Responsive image
Responsive image