Nelly é acusado novamente de assédio sexual por mais duas mulheres

O rapper já havia sido detido por acusação de estupro, em outubro do ano passado, mas o caso acabou sendo arquivado

Nelly está sendo acusado novamente de assédio sexual por mais duas mulheres. 

O rapper já havia sido detido no ano passado por um possível estupro. Agora, ele está sendo acusado de assédio sexual por duas mulheres: a primeira mulher, não identificada, disse que o artista teria agarrado a sua perna e colocado a mão por baixo de sua saia sem seu consentimento. Isso aconteceu após ele convidá-la para uma sala “VIP”, depois de um show, em junho de 2016. 

A segunda mulher, também não identificada, alega que Nelly teria se masturbado na sua frente em seu ônibus de turnê, após um show em dezembro de 2017. Ele ainda teria a forçado a lhe fazer sexo oral.

As duas queixas se juntam a um outro episódio envolvendo o músico: o processo de Monique Greene, que acusou o rapper de estupro, em outubro do ano passado. Na época, Nelly e seu advogado divulgaram uma declaração negando o corrido e argumentando que as alegações eram inventadas. O caso acabou sendo arquivado em dezembro, mas Greene apresentou uma nova acusação, incluindo uma ação de difamação contra o artista no processo. 

Acompanhe notícias sobre os seus artistas preferidos no Vagalume.

Fonte: Vagalume

 

 


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado

Responsive image