Sem título

Rachel Sheherazade, jornalista do SBT, fez declarações polêmicas no programa que apresenta na Rádio Jovem Pan, o “Jornal da Manhã”, na sexta-feira (9). Pegando como gancho o recente ataque feito por dois radicais islâmicos à revista francesa Charlie Hebdo, que deixou 12 mortos na última quarta-feira, ela criticou os radicais da esquerda. “No Brasil, o maior temor da imprensa livre não são os radicais islâmicos, mas os radicais da esquerda, que se assemelham muito aos terroristas”.

Sobrou ainda para a presidente Dilma. Rachel não gostou da nota que ela escreveu sobre o caso. “A mesma mandatária que defendeu a liberdade de expressão na França apoia um projeto de regulação da mídia no Brasil, que pode restringir a liberdade de expressão e até evoluir para uma futura censura dos meios de comunicação”.

Fonte: IG Gente


Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado


Responsive image
Responsive image