diabetes

A Unidade de Saúde da Família (USF) Osvaldo Leite, localizada no bairro Santa Maria, realizou na tarde desta terça-feira (11 de novembro), uma palestra sobre os cuidados com os idosos que possuem diabetes. A ação aconteceu na Paróquia Santa Cruz e reuniu mais de 30 idosos, que além de receber as orientações dos médicos, odontólogos e nutricionistas, também entenderam a importância da alimentação saudável e tiraram dúvidas sobre como realizar o exame do pé-diabético.

De acordo com a gerente da Unidade, Ivanildes da Silva Santos, a ação faz parte do Dia Mundial do Diabetes, celebrado nesta sexta-feira, 14. ?A maioria dos idosos são pacientes acompanhados pela nossa Unidade, que são diabéticos e hipertensos. Nessa palestra nós disponibilizamos consultas médicas, avaliação do pé-diabético e da glicemia capilar. Damos orientação sobre o uso das medicações, como a insulina e também alertamos os diabéticos sobre a importância de fazer consultas regularmente. É um momento de multidisciplinaridade, pois deixamos eles se sentirem bem à vontade para tirar suas dúvidas e para levantar a autoestima?, explica a gerente.

A nutricionista do NASF, Gilza dos Santos, passou orientações relacionadas à boa alimentação. ?A palestra serviu para alertar os males da doença e o que pode acontecer com os diabéticos quando eles não têm uma alimentação adequada. Uma preocupação foi enfatizar sobre as frutas, pois é importante comer muitas frutas, mas se alimentar de forma equilibrada para não aumentar o diabete?, enfatiza a nutricionista.

Segundo Jandira Leite dos Santos, participar do grupo de idosos e receber as informações sobre saúde é muito importante. ?Eu faço parte do grupo de idosos da Unidade e gosto sempre de ouvir essas palestras para aprender mais sobre a diabete. Aqui eu aprendi como regular a alimentação e como cuidar da minha saúde?, diz a paciente.

Já há idosa Santana Maria de Jesus, é diabética desde os 7 anos de idade, e relata que sempre se preocupa em cuidar da saúde e se alimentar bem. ?Com 7 anos eu descobri que tinha diabete, ainda não uso insulina, mas eu sempre me controlo na alimentação para melhorar minha saúde. Aprendi como realizar o exame do pé-diabético e estou muito feliz com essa palestra?, afirma.

A ação ainda contou com a distribuição de lanches saudáveis, baseado numa alimentação balanceada com sucos e frutas.

Fonte: SECOM Aracaju


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Responsive image
Responsive image