download

Seu smartphone ou tablet Android não só permite que você faça quase tudo online, mas também permite que você carregue quase toda sua vida digital no bolso (ou bolsa). E embora ter tanta informação em um só local e sempre à mão seja bastante conveniente, também torna os aparelhos um alvo atraente para os criminosos. Mas isso não significa que você está indefeso: bastam algumas medidas simples para se certificar de que seus dados estarão sempre seguros.

Use uma senha

Pode parecer óbvio, mas proteger seu aparelho com uma senha numérica ou um padrão é uma das formas mais fáceis de mantê-lo seguro. Isso evita que bisbilhoteiros, seja em casa ou no trabalho, espionem suas mensagens de texto, e torna mais difícil a vida de bandidos que tentem ?limpar? o aparelho para revendê-lo.

Você pode configurar uma senha (ou PIN) ou padrão na tela de configurações (em Configurações / Segurança / Bloqueio de Tela), e precisará digitá-la sempre que ligar a tela. Dependendo de seu aparelho e a versão do sistema operacional pode haver outras opções de bloqueio disponíveis, como uma senha tradicional misturando letras e números ou mesmo reconhecimento facial. Tenha cuidado para não esquecer a combinação que escolheu, caso contrário poderá ser difícil, ou até mesmo impossível, o acesso ao aparelho.

Note que um padrão (um ?desenho? sobre uma série de pontos na tela, ligando ao menos quatro deles) pode ser facilmente quebrado por um intruso determinado apenas analisando o rastro deixado pelos dedos sobre a tela engordurada sempre que você desbloqueia o aparelho. Portanto, uma senha numérica é uma opção mais segura.Com um padrão ou senha você perde um pouco da conveniência de simplesmente ligar e usar o aparelho, mas a proteção extra compensa o incômodo.

Só instale apps do Google Play

Defensores do Android sempre falam das vantagens de poder instalar software de terceiros em seus smartphones. Em teoria, isso faz sentido: deveríamos ser capazes de instalar e rodar o que quisermos em nossos aparelhos. Mas a realidade é que baixar e instalar apps encontrados ?por aí? na Internet pode causar problemas, mesmo que você esteja atento.

Embora apps maliciosos já tenham sido encontrados na loja Google Play no passado, a Google em geral faz sua parte e expulsa os pilantras. A loja pode não ser tão confiável quanto a App Store da Apple, mas você não vai se sentir como um participante de uma roleta russa sempre que baixar um jogo ou cliente para o Twitter.

Mas baixar e instalar um app encontrado em um site qualquer na internet, especialmente apps piratas ou versões ?grátis? de apps pagos, abre seus dados, e às vezes sua carteira, a todo tipo de malware. Apps para Android são notoriamente fáceis de ?desmontar?, e criminosos podem infectar uma versão pirata de um app popular como o Snapchat e usá-la para distribuir malware.

Claro que existem lojas alternativas de apps que são respeitáveis, como a Amazon App Store, mas se ater ao Google Play reduz imensamente as chances de que você encontrará software malicioso.

Fique de olho nas permissões

As permissões dos apps são sua primeira linha de defesa contra malware. Cada vez que você instala um app, vê uma lista com todos os recursos de seu smartphone que o app precisa acessar. A maioria das pessoas simplesmente ignora esta lista e clica em Aceitar para continuar a instalação, mas às vezes vale a pena prestar atenção e ver se aquele app de lanterna não está tentando acessar recursos que podem lhe custar dinheiro (como a realizção de chamadas ou envio de SMS).

As permissões podem ser algo difícil de compreender, mas as versões mais recentes do Android tornam as coisas um pouco mais fáceis. Você pode, por exemplo, tocar em cada item da lista para saber mais sobre ele, e assim tomar melhores decisões. Infelizmente não é possível escolher quais permissões dar a um app, então você tem de ou concordar com tudo o que ele pede, ou cancelar a instalação e encontrar uma alternativa.

Instale um pacote de segurança

Seguir os conselhos acima irá dar um bom nível de proteção ao seu aparelho, mas se você está realmente preocupado com malware deve instalar um pacote de segurança em seu smartphone. Uma busca por ?segurança? no Google Play irá retornar milhares de resultados, alguns deles de empresas já conhecidas entre os usuários de PCs, como a McAfee e Norton. Recomendo o Lookout Mobile Security ou o TrustGo Mobile Security, já que foram bem avaliados pelo AV-Test, uma entidade independente que testa software de segurança, tanto e recursos quanto em sua capacidade de detectar ameaças.

Além da proteção contra malware os apps de segurança geralmente oferecem outros recursos úteis, como ferramentas para backup dos dados em seu aparelho (um recurso que está ausente no Android ?puro?) e ferramentas para localizar, bloquear ou mesmo apagar remotamente um smartphone perdido ou roubado.

Instalar um pacote de segurança em um smartphone pode soar como uma coisa do outro mundo, mas bastam alguns toques na tela para configurá-los e depois eles funcionam automaticamente. E você poderá ficar tranquilo sabendo que estará protegido caso as coisas dêem errado.

Não tenha medo

A coisa mais importante a ser lembrada quando o assunto é segurança no Android é não dar atenção a todas as manchetes sensacionalistas que circulam pela internet quase que diariamente. Sim, a natureza aberta do Android o torna ?menos seguro? que o iOS ou Windows Phone, mas você pode evitar a maioria das ameças mesmo se tomar apenas uma das precauções acima. Pode até haver uma praga de trojans que destroem smartphones sendo disseminada através de uma loja de apps suspeita na Ucrânia, mas com nossas dicas você não tem nada a temer.

Fonte: ComputerWorld

Brava Segurança

www.bravaseguranca.com.br

Brava 800x600


Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado


Responsive image
Responsive image