Sergipano de 13 anos ressaltou grande aprendizado em seu primeiro desafio internacional do ano, na Itália, onde esteve constantemente entre os mais rápidos da categoria OK-Junior

Guilherme Figueiredo estreou em grande estilo na Europa na última semana (7 a 11 de março). O piloto sergipano de 13 anos terá uma intensa temporada internacional em 2018, em que disputará o Troféu Academy da FIA, sendo um dos dois representantes brasileiros, além dos Campeonatos Europeu e Mundial de Kart. Seu primeiro desafio foi no Troféu Andrea Margutti, realizado no circuito de Lonato, na Itália, onde esteve sempre entre os 10 primeiros, com um início muito positivo nesse novo ciclo.

Gui saiu do verão de Sergipe rumo à região de Bréscia, no norte da Itália, onde encontrou temperaturas em torno dos 5º Celsius, e uma semana de muita chuva. Seu primeiro contato com a pista, uma das mais tradicionais do kartismo europeu, aconteceu na quarta e quinta-feira, com os primeiros treinos livres. Na sexta-feira, foram realizados mais dois treinos livres, e a tomada de tempos. Correndo pela fábrica Kart Republic, Guilherme marcou o 4º melhor tempo em seu grupo, e ficou com o 7º lugar geral entre os 46 competidores da categoria OK-Junior, a apenas 0.142s da pole position. 

Com os pilotos divididos em três grupos, as corridas classificatórias aconteceram no sábado. Figueiredo largou em 5º, e logo pulou para a 3ª posição. Cruzou a linha de chegada no top-5, mas acabou em 7º após um pênalti de 3 segundos por um toque no bico durante disputa por posições. Já na segunda corrida, também fez boa largada e brigou no pelotão da frente durante toda a prova, terminando em 5º. A soma dos resultados lhe garantiu a 9ª posição na largada para a pré-final. 

O domingo reservou um dia de muita chuva em Lonato, uma condição ao que o sergipano não estava acostumado. Mesmo assim, Gui fez uma grande corrida, terminou no top-10 e marcou a 3ª melhor volta entre os 34 competidores que se classificaram para o último dia de disputas. Na final, a chuva estava ainda mais forte, e fez de Guilherme uma de suas vítimas, ao rodar numa poça d’água e ser obrigado a abandonar a prova ainda nas primeiras voltas, assim como aconteceu com muitos outros pilotos. 

Satisfeito com o desempenho em sua primeira competição na Europa, Guilherme destacou o aprendizado e evolução em meio aos novos desafios, e agora retorna ao Brasil onde segue sua preparação para a temporada. O próximo compromisso do piloto na Europa será a 4ª etapa do WSK Master Series, em Sarno, na Itália, entre os dias 05 e 08 de abril. Essa pista também recebe a prova inaugural do Campeonato Europeu, duas semanas depois. 

Gui Figueiredo tem o apoio do Banese Card, Maratá, Banese Corretora de Seguros e Restaurante Karrancas. 

Guilherme Figueiredo: 

“Tivemos um início muito bom de temporada na Europa. Foi minha primeira competição aqui, não conhecia a pista, nunca tinha corrido nessas condições de chuva tão forte, então aprendi bastante. Fiquei satisfeito porque estivemos competitivos em todas as sessões, então, o objetivo é chegar ainda mais preparado nas próximas etapas para brigarmos por bons resultados ao longo do ano”.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado

Responsive image