Leo Franco/AgNews O cantor irá apresentar programas com músicas de sucesso na Globo

Apresentador do Só Toca Top, novo programa musical da Globo, Luan Santana disse ser a favor da censura de letras de músicas consideradas “inadequadas” ou “pesadas demais” para os sábados à tarde, quando a atração será exibida pela emissora.

Ao menos uma vez por mês, Só Toca Top exibirá os hits mais ouvidos pela audiência no período, baseando-se em um ranking formulado pela própria equipe. Os artistas serão convidados para tocarem a sua música. E se um funk “proibidão” chegar ao topo da parada?

“Quando a música for muito pesada eu concordo [em cortá-la]. Afinal de contas tem crianças assistindo. Mas cada situação deve ser analisada individualmente”, pontuou o sertanejo, ao ser questionado sobre o assunto.

Diretor artístico da atração, Raoni Carneiro reafirmou que cada caso será analisado e que não considera como “censura” a exclusão ou a alteração da música.

“Não encaro isso como censura. Somos responsáveis pelo conteúdo que estaremos exibindo. O consumo hoje em dia é democrático. Se essa música apareceu, é pertinente naquele lugar que ocupa. A partir do momento em que vai para outro lugar, em que teremos outras pessoas que não são obrigadas a ouvi-la, temos de ter o critério de pôr ou não no ar, se vamos alterar ou não colocar a música”, disse o diretor.

As alterações nas letras são recorrentes em programas da Globo. Em janeiro do ano passado, por exemplo, MC G15, responsável pelo hit “Deu Onda”, cantou a versão mais light da música durante apresentação ao vivo, no “Domingão do Faustão”. O músico alterou o trecho de “meu pa* te ama” para “Faustão te ama”, o que provocou polêmica nas redes sociais.

Fonte: Fama ao Minuto


Responsive image

Responsive image

Responsive image

Nada foi encontrado

Responsive image