saude na escola

O Programa Saúde na Escola (PSE), em parceria com a Unidade de Saúde da Família (USF) João Cardoso, localizada no bairro José Conrado de Araújo, realizou na tarde dessa quinta-feira (02 de outubro), uma atividade educativa sobre alimentação saudável para os alunos da Escola Municipal de Ensino Infantil (EMEI) Ana Luiza Mesquita Rocha. A ação contou com a participação dos estudantes de Nutrição da Faculdade de Sergipe (Fase), que realizaram palestras e fizeram avaliação nutricional em 100 alunos.

De acordo com a gerente da Unidade, Ana Paula da Silva, esta parceria em juntar educação e saúde é muito importante não só para os alunos, mas também para os pais. ?Com a parceria entre a escola e a unidade, o Programa Saúde na Escola realizou atividades sobre o consumo de alimentos que as crianças possuem no ambiente escolar. Essa ação é importante tanto para os pais como para as crianças que ficam sabendo quais os alimentos prejudiciais. A parceria tem o objetivo de juntar forças para estimular nas crianças o desejo de consumir alimentos saudáveis?, explica.

Segundo a professora de Nutrição da Fase, foram realizadas avaliações antropométricas de peso e altura nas crianças e depois atividade educativa com jogos sobre alimentos saudáveis. ?Mostramos vídeos e histórias infantis sobre alimentos saudáveis para que eles entendessem sobre o assunto. Nós observamos que os pais mandam muitos salgados e refrigerantes, e as crianças acabam não se alimentando da merenda escolar, que tem um cardápio balanceado, elaborado por nutricionistas. Nossa atividade é para chamar a atenção das crianças e dos pais sobre o consumo exagerado de gorduras, sódio e açúcar?, afirma.

A diretora da escola, Lulila Macário de Santana, explica que a escola sempre trabalha a questão da alimentação saudável e com a atuação do PSE, fazendo o acompanhamento em cada aluno, o trabalho ficou mais reforçado. ?Nossos alimentos são muito saudáveis, nós só precisamos orientar aos pais que não mandem lanches industrializados para suas crianças. E com o PSE a orientação ficou ainda melhor, para fazer esse trabalho de educação alimentar, que já existe na escola?.

?Eu sempre gosto que minhas filhas se alimentem da merenda daqui da escola, porque possui alimentos que eu sei que não vai prejudicar a saúde de minha filha. Gostei muito dessas atividades pois tanto eu como minhas filhas ficam sabendo o melhor alimento para consumir?, diz a mãe Jucivânia dos Santos.

Na ação ainda foi realizado questionário com os pais e apresentados os resultados da avaliação nutricional dos seus filhos, mostrando quais os problemas de saúde encontrados nas crianças.

Fonte: SERCOM Aracaju